corregedoria.tjrn.jus.br
corregedoria.tjrn.jus.br
corregedoria.tjrn.jus.br

padrinhos

A Corregedoria-Geral de Justiça promoveu, na tarde dessa quinta-feira, 19, a assinatura e entrega dos primeiros Termos de Compromissos resultantes da parceria entre o órgão e os membros do Projeto Padrinhos e representantes do Projeto Acalanto Natal. Dois casais da Categoria Afetiva e duas profissionais receberam o documento de comprometimento com o Projeto. A entrega foi feita pelo corregedor-geral de Justiça, desembargador Amaury Moura Sobrinho, na sede da Corregedoria.

“Hoje nós assinamos esses termos de compromissos a esses padrinhos e isso é gratificante, em ver a alegria e o empenho deles, o brilho nos olhos de cada um de estar prestando um serviço com satisfação e com orgulho”, afirmou o corregedor. Ele destacou que todos eles demonstraram comprometimento e diz esperar que o projeto possa crescer, já que foi gerado na Corregedoria e tem como “o pai dos padrinhos” o juiz auxiliar da Corregedoria, Diego Cabral. “Ele tem prestado total dedicação a isso, na concretização deste projeto, junto, naturalmente, com toda a sua equipe”, elogiou.

Para ele, a assinatura e entrega dos Termos de Compromissos representa a concretização do projeto, com o seu início efetivo e posterior desenvolvimento. O desembargador disse que esses foram os primeiros passos nas três modalidades, mas já assinou outros Termos de Compromissos em que os padrinhos não puderam comparecer. No entanto, a entrega será feita numa segunda oportunidade. Ele garantiu que já tem um número considerável de padrinhos habilitados em todas as modalidades.

Como exemplo da importância e sucesso do Projeto, revelou que a promotora e membro da CEJAI, Mariana Rebelo, que representa o Ministério Público do RN na Comissão de Adoção Internacional, também já assinou seu Termo de Compromisso dando o exemplo, como madrinha, na condição de provedora. “A disposição da doutra Mariana Rebelo é um exemplo de casa e, quem sabe, isso se torne um incentivo para que todos nós também possamos seguir nessa mesma linha”, comemorou.

Segundo o corregedor, a projeção é para que o projeto se amplie. Ele disse que já houve divulgação na mídia televisiva, de quem teve receptividade e pretende fazer essa parceria no sentido de divulgar o projeto. Mesmo assim, comemora o número considerável de padrinhos inscritos. Entretanto, pretende ampliar, criando outras modalidades de incentivo e, a partir daí, vai divulgar isso a sociedade. “Eu acho um projeto de extrema relevância, tem um cunho social muito importante e que, se Deus quiser, vai se ampliar e dá certo. Eu espero!”, concluiu.

Parceiros

Um dos parceiros do Projeto Padrinhos é o Projeto Acalanto, que na ocasião foi representado pela pedagoga e especialista em Psicopedagogia e Neuropedagogia Rejane Maria Bruno Fernandes, que assinou e recebeu seu Termo de Compromisso. Entusiasta do projeto, ela está contribuindo como madrinha compromissada.

O Projeto Padrinhos

O Projeto Padrinhos consiste no trabalho de voluntários que se comprometem em apadrinhar crianças e adolescentes em três modalidades: afetiva, provedora e profissional. Na afetiva, eles se comprometem em manter relações de afeto com as crianças, no sentido promover lazer e de levar para suas casas para passarem o final de semana juntos. É uma oportunidade para as crianças terem um lazer do qual muitas vezes são privadas, de que elas não têm condições. Da mesma forma, também favorece o conhecimento de outros lugares e pessoas.

Do lado profissional, participam professoras e psicopedagogas que assumem compromissos no sentido de dar aulas de reforços. E no aspecto provedor, diz respeito à questão da manutenção, da contribuição, que tem um caráter mais financeiro de prover em determinados aspectos materiais a subsistência das crianças. Esta última tem um aspecto essencialmente material. Nas três modalidades, a equipe da Corregedoria percebe as necessidades das crianças no momento de fazer o apadrinhamento.

Fonte: TJRN/SECOMS

Scroll to top