corregedoria.tjrn.jus.br
corregedoria.tjrn.jus.br
corregedoria.tjrn.jus.br

 A adoção de uma série de boas práticas na administração do dia a dia está dando ao 11º Juizado Especial Cível de Natal a celeridade na tramitação dos processos tão cobrada do Judiciário brasileiro. Segundo relatório enviado à Corregedoria de Justiça depois de correição realizada naquele juízo no período de 26 a 30 de julho,foi verificado que a tramitação dos processos está ocorrendo dentro de prazos bastante exíguos. No dia 5 de agosto, quando foi elaborado o relatório, o processo mais antigo para julgar datava do dia 2 de agosto. 

 

O juiz Eduardo Bezerra de Medeiros Pinheiro, titular do juizado, informou que aquela é a única Vara de Juizado de Natal que realiza audiência uma, de conciliação, instrução e julgamento, o que imprime celeridade aos feitos. Os pedidos de urgência são examinados em menos de 24 horas e no mesmo dia são expedidas as intimações.

 

Atualmente o juizado só tem 18 processos remanescentes em maio físico, todos eles em fase de cumprimento de sentença. Os juizados de Natal já adotam o processo eletrônico através do Projud. Ao todo foram constatados 931 processos cadastrados e em tramitação no mês de julho e 175 novos feitos ajuizados.  

 

O juiz enalteceu o trabalho dos sete funcionários e do estagiário que trabalham com ele no juizado como fundamental para o bom funcionamento do juízo e lembrou que responde também pela Central de Avaliação e Arrematação, pela 3ª Zona Eleitoral de Natal e no mês de julho substituiu o 9º Juizado Especial Cível Central, onde ainda realizou 396 movimentações em processos que lá tramitam.

 

 

 

Scroll to top